Novos motores da Mercedes tem alergia à gasolina norte-americana

2 comentários

mercedes-benz-slk-class_2012_1600x1200_wallpaper_05.jpg
Enquanto os norte-americanos aprendem aos poucos a usar motores menores, os europeus não medem esforços para economizar combustível. E essa divergência de conceitos gerou uma consequência: a gasolina norte-americana pode prejudicar a nova linha de motores Mercedes-Benz. Em pensar que um Mercedes 300D da década de 80 consegue rodar com óleo de fritura…

Pois é… Cada país tem especificações diferentes de gasolina, e a dos Estados Unidos tem alto teor de enxofre, média de 95 ppm (partes por milhão). Ou seja, o dobro do que os motores de nova geração da Mercedes, baseados em combustão com mistura pobre e injeção direta estratificada (BlueDirect), podem tolerar.

O enxofre pode bloquear os filtros que captam os óxidos de nitrogênio liberados na combustão, e por isso a Mercedes decidiu que não venderá os motores no Estados Unidos enquanto não puder garantir a integridade dos mesmos. A mesma decisão vale para a África e Ásia. O primeiro motor com a tecnologia BlueDirect é o 3.5 V6 do Mercedes C 350 (que será vendido nos EUA como “BlueDirect” mas sem a tecnologiA) e do Mercedes SLK 350, que por ora não será vendido na terra do Tio Sam, como se os norte-americanos estivessem muito preocupados com o consumo…

Via | Motorpasión Espanha 
Fonte | Wardsauto

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Quer saber mais?

Artigos

Artigos relacionados que vão te interessar

Ver mais

+ Deixe um comentário

Comentários

  • 1

    !
    | 2 estrelas

    Putz, ..imaginem então a gasolina brasileira, que podia ser chamada de gasaalcol, de tanto que tem, rsss. Pelo visto essa caranga só vai rodar na europa mesmo.

  • 2

    !
    | 2 estrelas

    A proporção de alcool está tão grande que daqui a pouco vai ser necessário ter carro flex para poder rodar com gasolina...

Comentar

Para deixar um comentário é necessário se identificar: ENTRA ou conecte-se com Facebook Connect

Publicidade

Seções

Caterham

Crash test

WSL Weblogs SL