Dicas para pilotar a moto com segurança - Parte 2/2

4 comentários

capacete-africano

Há 3 dias atrás fiz um post com dicas para pilotar a sua moto com mais segurança. Como o texto acabou ficando muito grande, resolvemos separá-lo em duas partes.

Portanto, abaixo seguem mais algumas dicas para que você tenha uma pilotagem mais consciente e segura. Afinal, não há motociclista que queira conhecer a aspereza do asfalto, certo?

pneu-moto

NÃO ENTREGUE SUA SORTE AOS PNEUS E AOS FREIOS


Suspensão, freios e pneus fazem parte de uma lista de pontos críticos que, se estiverem com problemas, vão te levar ao chão. Dos 3, considero os pneus o ponto mais problemático e explico.

Há no mercado uma infinidade de pneus de má qualidade que literalmente se desintegram, soltando a banda de rolagem. São pneus na sua grande maioria recauchutados ou reformados.

Se você é um leitor que não anda de moto imagine-se em cima de uma, que é um veículo sustentado por dois pneus, e um deles vai se desfazendo enquanto roda. Parece roteiro de gibi “trash”, mas é realidade e acontece com mais frequência do que vocês imaginam.

Um pneu é caro para os padrões financeiros nacionais. Para se ter uma ideia, a scooter Suzuki Burgman 125 tem dois pneus de aro 10 que acabam muito rápido, na média de 7.000 km e, juntos, custam mais de R$ 200 na sua configuração original.

Estamos falando de uma scooter que custa em torno de R$ 5.500 e de uma quilometragem que se faz com muita facilidade no uso cotidiano da moto.

Só que isso não justifica pagar R$ 100 por um par de pneus de qualidade duvidosa e colocar a sua vida em risco. Quando troquei os pneus da minha ex-scooter pela primeira vez fiquei puto com o valor, mas depois procurando opções mais baratas lí relatos de péssimas experiências vividas por pessoas que optaram por soluções alternativas na hora da troca de pneu.

Nesse item preciso fazer um adendo, os 7.000 km que me refiro para a troca de pneu da Burgman 125 é para o traseiro, o dianteiro costuma durar mais. O famoso rodízio de pneus que se faz no carro é uma atitude questionável entre os motociclistas. Eu não sou contra o rodízio de pneus na moto, porém nunca fiz.

Uma outra coisa, é importante manter os pneus sempre calibrados, mesmo pneus de boa qualidade se tornam uma verdadeira “armadilha” podendo dobrar, literalmente, no meio de uma curva.

Além dos pneus lembre sempre de estar com os freios regulados e funcionando perfeitamente. Afinal você não vai querer que eles falhem justamente quando você estiver chegando perto de um carro ou um obstáculo, ou vai?

Conhecer bem o poder de frenagem da sua moto é muito importante, portanto, faça testes de frenagens fortes para que você aprenda como ela se comporta nessas situações.

acidente-moto

É MELHOR CHEGAR ATRASADO DO QUE NÃO CHEGAR


Existem vários ditados para a pressa. Um diz que ela é inimiga da perfeição, outro diz que quem tem pressa come crú, e por aí vai. No mundo das duas rodas, a pressa simplesmente é uma inimiga poderosa.

Quando pilotamos com pressa abusamos da sorte, isso é fato, e num veículo em que não há nenhum tipo de amortecimento entre você e o chão, é melhor não contar com a “falta de sorte”.

Acelerar para passar por um farol que vai fechar ou forçar uma ultrapassagem sem necessidade vão fazer você ganhar segundos ou pouquíssimos minutos irrisórios demais para justificar o risco.

Aprendam, nenhum compromisso é mais importante do que sua vida. Lembre-se que tem gente mais importante que estes compromissos te esperando voltar pra casa e tome vergonha na cara e saia mais cedo.

motorcycle-stupid

EU SOU O BOM


Não há babaca maior do que exagera na dose da pilotagem para provar algo aos outros. É uma grande estupidez forçar um ritmo de pilotagem ou uma manobra arriscada pelo simples fato de “aparecer”.

Já ouvi histórias de pessoas estúpidas que, para não ferir seu orgulho, acabaram ferindo o corpo e a moto acelerando sem se dar conta que no final da reta havia uma curva ou então que não tinha noção de como chegar a ela e fazer o traçado correto.

Pilotar no seu limite e no limite da moto coloca você em situações extremas de risco. Um simples erro na inclinação ao fazer uma curva, uma frenagem errada ou uma “escapada” do pneu, pode fazer um belo estrago em você e na sua máquina.

moto-garrafas-cerveja

O EFEITO DO ÁLCOOL


Grande parte dos reflexos e da coordenação motora de uma pessoa que está sobre efeito do álcool são prejudicados. Muitos não tem ciência de que esses fatores são essenciais para pilotar com atenção e agir com rapidez caso algum problema surja repentinamente.

Quando pensei nesse post, decidi deixar esse item por último, mas agora que estou escrevendo estou percebendo que ele não faz sentido aqui no final, pois, se você é um daqueles que acha que a bebida alcoólica não vai prejudicar sua pilotagem, vejo que só gastei meu tempo ao escrever os parágrafos anteriores.

Não há como prever quando um pedestre irá passar em sua frente ou quando um carro fará uma conversão proibida. Se você não estiver em plenas condições, é chão na certa. Para aqueles que bradam que basta abrir a viseira que o vento faz a bebedeira passar, preparem-se para queda, pois esta é inevitável, cedo ou tarde.

Fonte | Duas Rodas Blog
Fotos | Duas Rodas Blog e Online Phunk

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Quer saber mais?

Artigos

Artigos relacionados que vão te interessar

Ver mais

+ Deixe um comentário

Comentários

  • 1

    Avatar de Tomás !
    Tomás | 2 estrelas

    Alessandro,

    Muito bom o seu texto, escrevi tambem recentemente um texto sobre o assunto e esta postado em meu blog www.tasnaweb.com, pelo que percebi temos muitos pontos de vista em comum. Acho muito importante que o assunto seja cada vez mais discutido e dabatido. Acredito que precisamos criar, e deixar para as gerações que virão, uma cultura de pilotagem com segurança entre os motociclistas.

    Abraços

    Tomás André dos Santos - tasmotos

  • 2

    Avatar de MIRACI-CAFUSSU- M C CACADORES EMOCOES- CAICO-RN !

    Ao ler os blogs sobre acidente de motocicletas.concordo plenamente o que foi reltado pelos companheiros queme natecederam. Eu piloto motos, 10 pussuidas, gracas a Deus nunca leveu um tombo.25 anos de estrada,nao bebo encima da moto, so se a mesma estiver parada,apos minha chegada ao destino.Itens imprecindivel,moto revisada.pneus perfeito. sistema de frenagem perfeito,atencao nas ultrpassagens e nas curvas traicoeiras, nao exagerar na velocidade e entragar o comando ao Senhor JESUS.

  • 3

    Avatar de arilton fernandes da silva !

    Gostei muito das dicas, principalmente como pilotar com ventos fortes e laterais, Deus abençoe a nós e aos "diqueiros" pois não queremos chão, queremos curtir o nosso amor que temos em pilotar uma motocicleta e segurança é tudo. Lamento que muitas pessoas em seus automoveis não se preocupem com os motociclistas, talvez por eles terem um pouco de inveja em não terem a competência e a coragem que temos, talves por eles terem a vontade de serem motociclistas e não poderem realizar este sonho. Já passei por situações que percebi nitidamente que o motorista de um carrto forçava uma passagem arriscada para ambos em função de me ver como eu ia me virar para sair dessa.....como o ser humano pode ser tão maldoso. Ser motociclista, não é pra qualquer um, é para os ajuizados e cautelosos...Deus esteja conosco...

  • 4

    Avatar de Evandro Cabral De O liveira !

    estas dicas são excelentes para você ter uma idéia de como pilotar com segurança,muitas vezes pessoas acham que sabem de tudo que não precisa aprender nada mas esta enganado,cedo ou tarde vão se dar mau,por isso ,acho sim que deveria ter mais dicas de como pilotar seja moto ou corro,ficou muito legal,estas dicas.

    abraços.

Comentar

Para deixar um comentário é necessário se identificar: ENTRA ou conecte-se com Facebook Connect

Publicidade

Seções

WSL Weblogs SL