Mitos e verdades sobre o embelezamento automotivo

34 comentários

Brasileiro pode não ser apaixonado por carros como as propagandas insistem afirmar, mas com certeza é apaixonado pelo impacto que seu carro causa ao chegar aos lugares que freqüenta. Somando ao fator “presença” temos a humanização do carro e a ligação que o povo brasileiro tem com a cultura indígena, onde tomar banho diariamente é praticamente uma obrigação e por isso muita gente lava o carro praticamente na mesma freqüência que visita o chuveiro.

Eu não fujo a essa regra e chego a cometer atos malucos como lavar o carro a noite depois de chegar da faculdade ou do trabalho, gastar R$ 80,00 em uma lata de cera high tech, comprar papel especial para polimento, shampoo especial para o carro entre outras coisas que muitas pessoas fazem também, apenas para ter o prazer de ter o carro brilhando como um espelho. Apesar destes cuidados, muitas vezes exagerados, muitas pessoas vêem a sua “jóia” se deteriorando no mesmo tempo que o carro maltratado do vizinho e ficam pensando: Logo eu? Leiam um pouco mais sobre algumas coisas que devemos fazer ou evitar para não termos surpresas desagradáveis.

Primeiramente gostaria de dizer que muitas coisas que aprendemos em casa com nossos pais ou com nossos tios e avôs são muitas vezes invenções sem sentido. Também posso dizer que grande parte dos profissionais que cuidam do embelezamento automotivo não sabem o que estão falando e apenas repetem o que os vendedores de produtos passam para eles. O que vou falar aqui é fruto de diversas pesquisas que fiz ao longo da minha vivência no ramo de embelezamento automotivo, quando fui sócio de uma lojas de “riscos e mossas”, como são conhecidas as oficinas de pequenos reparos em pintura em Salvador.

A Lavagem

A parte mais básica do embelezamento de um carro é a lavagem. Este processo é fundamental para o carro ficar bonito e bem conservado, pois evitará o depósito de agentes nocivos à camada mais externa da pintura. Não existe a história de quanto mais lavar o carro, vai gastar a pintura como já vi pessoas afirmando, nesse caso, quanto mais o carro for lavado, mais a sua pintura durará, desde que esse trabalho seja bem feito.

É importante remover rapidamente sujeiras orgânicas, pois são as mais prejudiciais para o carro devido a sua composição química composta muitas vezes por ácidos que penetram no verniz, causando danos irreparáveis para a pintura. Fezes de animais, principalmente de pássaros, seiva de árvores, insetos, cuspe, vômito ou qualquer coisa desse tipo não deve permanecer mais do que o tempo entre a contaminação e a percepção da mesma.

Se seu carro é encerado constantemente e não fica muito sujo entre as lavagens não é necessário a utilização de sabão ou shampoo durante o processo de lavagem. A cada duas lavagens é interessante utilizar um shampoo com cera líquida, daqueles comuns que são vendidos nos super-mercados para manter o brilho da pintura. Evite lavar o seu carro com bucha ou esponja. O melhor é utilizar sempre um pano macio, como uma fralda para crianças ou similar.

Caso seu carro esteja muito sujo o processo de lavagem é mais complexo. Muitos tutoriais de lavagens recomendam que você comece a lavar o carro pelo teto, mas caso você não tenha preguiça de trocar a água do balde várias vezes, recomendo outra ordem. Comece lavando as rodas e pneus e outros pequenos detalhes que fazem toda a diferença quando o carro ficar pronto. Se você está cansado após lavar todo o carro, não dará atenção aos pequenos detalhes.

O importante é trocar a água e lavar sempre o pano que está utilizando para lavar essas regiões. Caso você deseje lavar a caixa de rodas, jamais utilize a água usada durante esta etapa para lavar outras partes do carro, principalmente se ele for de cor escura. Após lavar, rodas, caixas de roda, retrovisores, partes plásticas sem acabamento com pintura, é hora de lavar grelhas e frisos. Para isso, utilize uma escova de dentes gasta, embebida em sabão. Depois enxague todas as partes lavadas e siga em frente.

O próximo passo é lavar a pintura. Se seu carro estava no sol, é bom conseguir uma sombra antes de continuar a lavar. O calor abre os poros do verniz que irá se contaminar com o sabão e água, favorecendo o aparecimento de manchas e outros defeitos mais graves. Caso não tenha jeito, lave uma parte do carro por vez. Comece pelo teto, molhando-o em abundância antes de esfrega-lo com o shampoo. Caso não tenha shampoo, pode-se utilizar detergente neutro, de preferência os que possuem em sua fórmula a glicerina, que ajuda a remover a gordura incrustada.

A secagem é uma das piores etapas principalmente se seu carro for escuro ou metálico. É necessário um pano que absorva bem a água e seja macio para não causar hologramas. Existem alguns panos especiais conhecidas como pano de micro-fibra. Esse tipo de pano é feito com um material sintético trançado em tramas tão pequenas que remove praticamente todas as partículas na superfície onde é esfregado e garante uma secagem perfeita, sem manchas e sem marcas, com o mínimo de arranhões holográficos possível.

“Passa um gás na pintura meu patrão?” Essa frase geralmente dita pelos lavadores de carro quando querem dar um brilho a mais no serviço, significa que o mesmo vai aplicar querosene na pintura do seu carro. O querosene vai agir como solvente e remover as sujeiras como piche, tinta de marcação de asfalto, mas infelizmente vai levar um pouco do seu verniz.

Além disso, o querosene ajuda a queimar as lanternas e faróis de policarbonato, deixando-os foscos muito antes da hora. Se não tiver jeito e tiver que utilizar para remover piche nas partes baixas do carro, evite passa-lo puro, fazendo uma diluição em água e enxaguando bastante após a aplicação com sabão neutro. A mesma coisa vale para as rodas de liga leve, que tem seu verniz atacado da mesma maneira que a pintura do carro, portanto, muito cuidado com este produto.

Encerar ou Polir?

Encerar o carro é uma pratica que elevará bastante a vida util da pintura do seu carro, desde feita com critérios e utilizando os produtos específicos. A cera cria uma camada protetora que vai agir como uma barreira física contra as intempéries mais comuns, como a poluição, o orvalho matinal e noturno e principalmente contra o raios solares.

Existem as ceras tradicionais que tem em sua fórmula o silicone, conhecido composto que ajuda na aplicação da cera, mas que prejudica a pintura dos carros mais velhos ou repintados, e as mais novas que contém carnaúba, que confere uma proteção maior, aumentando até o intervalo entre as aplicações. Existem ceras para pinturas queimadas, repelentes de água, ceras líquidas, entre outras, e aqui entra muito na questão pessoal.

ideal é testar diversas marcas até encontrar o seu tipo preferido, já que muitos preferem uma cera mais fácil de aplicar, mas que proteja menos tempo, e outros preferem as ceras que protegem mais mesmo que precisem utilizar muito tempo para a aplicação. Se eu fosse recomendar uma marca, estaria fazendo propaganda grátis? Sim, então farei propaganda grátis, o melhor custo benefício para mim é a Cera protetora da marca Pérola, que custa por volta de 7 reais nos mercados, não contém compostos abrasivos e não mancha as borrachas do carro. Sua aplicação é fácil e não requer muita força e protege durante um bom período.

Experiências com ceras mais caras como as das marcas Meguiar´s e 3M não comprovaram um ganho proporcional ao seu preço mais caro, quando a intenção é apenas dar um brilho no carro, porém existem ceras especiais que conferem um ótimo acabamento na pintura, principalmente em carros que possuem hologramas (riscos conhecidos como unha de gato).

Esse tipo de cera mais moderna age preenchendo os microporos da pintura, criando uma camada uniforme sobre a tinta causando um efeito muito bom. Saliento que este tipo produto só deve ser aplicado em carros com a pintura muito boa, com a camada de verniz bem curada e que de preferência tenha passado por algum processo de polimento, que ajuda a uniformizar as camadas de verniz.

O polimento é uma pratica que deve ser evitada ao máximo nos carros. Só dê polimento no seu veículo caso o mesmo esteja realmente necessitando. Como você vai saber se o carro precisa realmente de um polimento? Quando a pintura estiver sem brilho, mesmo após a lavagem com bons produtos e o enceramento comum. O normal é o carro com boa pintura ficar brilhando após estes simples procedimentos.

Cada vez que um carro é polido é retirado uma pequena camada de verniz de proteção da pintura. A massa para polir, seja ela na granulação 1, 2 ou 3 é altamente abrasiva e serve realmente para remover a camada de verniz queimada que ofusca o brilho do seu carro. O ideal é que esse procedimento deva ser feito no máximo a cada 12 meses e seja realizado por profissionais competentes.

Fazer um polimento em casa muito perigoso. Se você quiser se aventurar nessa tarefa, recomendo comprar um capô em um ferro velho e treinar muito até tentar algo no seu carro. Nunca utilize uma lixadeira orbital como politriz, já que sua rotação é bem mais elevada do que o recomendado para aplicação de ceras, queimando a pintura completamente.

Um problema muito grande no mercado é o da nomenclatura errada nos serviços de polimento. O que realmente é um polimento cristalizado? É a mesma coisa da cristalização? Polimento simples é tão bom quando um Cristalizado? O que é um espalhamento de pintura? Porque algumas oficinas cobram 100 reais pelo mesmo serviço que é cobrado 250 reais em outra oficina?

Polimento simples é o processo que é composto pelo polimento com massa de polir para uniformizar a camada de verniz, seguida pela aplicação de uma cera comum para abrir o brilho e “esconder” as marcas de boina geradas pelo processo. Esse tipo de polimento é recomendado para pinturas novas ou recém pintadas com mais de 30 dias de cura do verniz.

O polimento cristalizado é uma invenção do mercado. Geralmente é composto pelo pelo lixamento da pintura com lixa 1200, 1500 ou 2000 para uniformizar o verniz, depois o carro é polido com massa de polir e o acabamento é feito com uma cera conhecida como Auto Brilho da marca 3M. A questão é que esta cera foi criada para ser utilizada em carros recém pintados, já que não contém silicone em sua fórmula e não confere nenhuma proteção à pintura, apenas mascara os defeitos da mesma.

A cristalização ou espelhamento de pintura já é um processo bem mais complexo. Também conhecido como polimento técnico, é um serviço bastante profissional e que geralmente tem um custo alto. Porém esse alto custo é devolvido em beleza e proteção para seu veículo, principalmente se ele for de cor escura. É um processo demorado, geralmente leva-se um dia inteiro ou mesmo dois dias par se atingir um resultado compensador, por isso seu preço tão salgado.

O processo começa com uma avaliação completa do estado do veículo pelo técnico de polimento para avaliar a necessidade do lixamento ou não da pintura. Esses profissionais sabem que devem evitar ao máximo esse tipo de prática, portanto só lixarão seu carro se for realmente necessário. Após essa avaliação, geralmente feita depois de uma lavagem completa, começa-se o serviço.

Já vi algumas pessoas trabalhando com isso e é algo artístico. É necessário a utilização de luzes especiais para verificação de marcas e hologramas, assim como várias ceras são usadas até chegar no resultado ideal. Para finalizar o carro recebe uma camada de cera cristalizadora que será a responsável por manter o brilho da pintura durante os intervalos de manutenção que deverá ser feita a cada 6 meses para não perder o brilho.

A durabilidade do processo será proporcional ao cuidado que o dono do carro terá após o serviço. Seguindo os cuidados citados mais acima no início da matéria, o brilho do carro se manterá intacto por um bom tempo. Jamais faça esse tipo de serviço em oficinas que não sejam especialistas no assunto. São raros os profissionais que realmente seguem todas as etapas e o barato pode sair caro depois.

As empresas trabalham com diversas marcas de produtos, entre elas a Lincoln que tem feito muito sucesso entre os profissionais da área e possui um custo mais barato do que as marcas tradicionais, a 3M reconhecida internacionalmente pela qualidade dos seus produtos, porém a utilização dos mesmos é mais complexa e possui um custo elevado e a Norton que é muito forte nas concessionárias, mas que é pouco difundida nas oficinas independentes.

Uma dica: exiga em qualquer tipo de polimento que o profissional isole as partes plásticas do seu carro com fita protetora (crepe ou similar) para evitar que o mesmo fique marcado pelos produtos utilizados durante o polimento. São manchas ruins de sair, além de ficar parecendo que seu carro foi recém reparado caso seu objetivo seja embeleza-lo para conseguir uma venda mais fácil.

Acabamento e finalização do serviço

Essa é uma das partes mais importantes quando estamos embelezando nosso auto. Para a limpeza interna recomendo a boa velha limpeza com pano úmído para tirar a poeira. Caso seu carro esteja necessitando de uma revitalização nos plásticos, muito cuidado. Alguns produtos deixam um brilho muito bom, porém “vicia” o seu carro, pois quando seca, a aparência não ficará mais como antes. Recomendo os produtos da 3M, que apesar de caros, tem um resultado muito bom.

Existe um produto chamado Refresh que custa quase 20 reais a bisnaga, porém o seu rendimento é muito bom. Tem 2 anos que utilizo o mesmo e estou na minha segunda embalagem. Outro produto muito bom é o silicone Bucas. Ele é muito mais barato que o 3M e tem um acabamento parecido, necessitando apenas um acabamento final com um pano macio e limpo.

Se seu carro possui para-choques pretos como alguns modelos aventureiros existe um produto muito bom da Grand Prix chamado protetor UV. É muito bom para aplicar e rende bastante. Além de deixar seu carro com aspecto de novo, o produto promete proteger contra a ação dos raios solares. Eu utilize durante um bom tempo no meu Corsa antigo que tinha para-choques pretos e recomendo, pois o mesmo nunca ficou ressecado.

Utilize um pincel macio para limpar as frestas das grades de ventilação, painel de instrumentos e outros acabamentos que julgar necessário para evitar o acúmulo de pó nessas áreas e deixar seu carro com cara de velho. Caso seus bancos estejam muito sujos, recomendo o produto Tuff Stuf da marca STP. É incrível como é prático e como funciona bem. Serve também para limpar o forro de teto ou o carpete, além de deixar um perfume agradável.

Para limpar os vidros existem diversas receitas. Eu utilizo uma bem antiga, ensinada pelo meu pai, e que funciona sem prejudicar o carro. Jornal usado! Pegue uma folha de jornal e enxugue o vidro com ele. É incrível o resultado, e o melhor é praticamente de graça! Caso seu vidro esteja engordurado, passe uma esponja macia com água e sabão para remover o excesso de gordura e enxugue com o jornal. Vale salientar que um pano macio bem seco também tem bons resultados.

Para dar o toque final, o acabemento nos pneus. Utilizo aqui em Salvador um produto conhecido como “baba de camelo”. Não sei bem o que é na verdade, dizem que é silicone indústrial diluído, mas ele não resseca o pneu, o que me deixa na dúvida sobre a veracidade da informação. Esse produto deixa o pneu preto e brilhando durante um bom tempo, mesmo em dias chuvosos. O único problema é que se você passar em um lugar com terra, seu pneu ficará completamente marrom. A parte boa é que basta passar um pano seco que o pneu fica preto de novo.

Outros produtos são utilizados pelas pessoas como o “pretinho” que é uma mistura caseira feita com tintura para piso, glicerina e álcool que é muito boa, porém tem que ser aplicado com cuidado, porque ele tinge tudo de preto. Fuja de fórmulas mágicas que utilizam groselha, açúcar entre outras. Já testei meu carro amanheceu com os pneus completamente coberto por insetos.

Lavar o motor é sempre uma atividade de risco, então pense bem antes de entregar seu carro para alguém lavar. Nunca utilize jatos fortes de água, por mais que jurem que estão protegendo as centrais eletrônicas, bobinas e cabos de vela. A chance de dar algo errado sempre existe. O melhor é pegar um pincel, óleo diesel ou outro solvente e ir limpando calmamente, evitando as mangueiras.

Espero que com essas dicas ajudem-os na difícil tarefa que é manter um carro boa aparência. Se tiverem mais dicas que possam ser inseridas nesse post, não se envergonhem em nos escrever. O Motorpasion Brasil é feito cada vez mais por vocês e para vocês. Boa diversão!

Fonte | Forum Corsa Clube Brasil / Deivy Munhoz / Comunidade Polimento de Pintura 3M

Publicidade
Publicidade
Publicidade

Quer saber mais?

Artigos

Artigos relacionados que vão te interessar

Ver mais

+ Deixe um comentário

Comentários

  • 1

    Avatar de Filipe !
    Filipe | 2 estrelas

    Lavo meu carro semanalmente somente com água e uma vez por mês cera normal. Uso o protetor UV da GrandPrix e realmente é muito bom já que ele não deixa a peça gordurosa e consequentemente com tend~encia a grudar pó. Já o motor nunca viu água, nem os carros usados e muito menos o último que comprei zero, é só pano úmido. Nos outros quando aparecia uma "babinha" de óleo pegava um pano embebido em querosene e fazia a limpeza.

  • 2

    Avatar de Ken !
    Ken | 2 estrelas

    Sorte que tem incentivos no meio do texto se não nunca me animaria a ler isso tudo!!!

  • 3

    Avatar de INGO !
    INGO | 2 estrelas

    jornal!?!? essa eu nao sabia,vou tentar da proxima vez.

  • 4

    Avatar de O. Klótzs !

    Meu carro é lavado somente nas revisões (nas Concessionárias), isto é, uma vez por ano, Digo isso para vc colocar em suas estatísticas... Nem quando vendo meu dou ao trabalho de lavá-lo, mas depois que o vejo na loja, lavado, percebo que a pintura continua impecável. Não acho que lavar o carro conserva a sua pintura, não! Na opinião, lavar o carro é coisa de quem não tem o que fazer... Abs.

  • 5

    Avatar de Henrique Alves !

    Lavar na sombra a cada semana, e encerar a cada um mês é a melhor receita. Sempre fiz isso nos carros daqui de casa e nunca precisou de mais do que isso. Quando vendemos o Gol com 7 anos, o cara da concessionária se impressionou com o bom estado rsrsrs

    Nunca usei silicone nos plásticos por acumular poeira e deixar engordurado (odeio pegar um volante ou câmbio todo encebado). Só um paninho com aqueles produtos de limpar computador resolve. Tecido eu lavo com spray de água com sabão de coco líguido e passo um pano seco.

    Vidro é jornal, e pra dar aquele tchan, watter-off.

    Rosalvo, e a lavagem a seco, é furada?

  • 6

    Avatar de Alexandre !

    Aqui em salvador nunca encontrei a cera pérola e o tuff stuff, me diz onde tem...

  • 7

    Avatar de Filipe !
    Filipe | 2 estrelas

    E não lavar o carro é coisa de porco.... não dá nem pra chegar perto que o cara sai sujo.

  • 8

    Avatar de Rosalvo !

    Ken, pensei justamente nisso rsrsrs.

    Todo posto de lavagem deveria ser assim bem ornamentado não acha?

  • 9

    Avatar de Rosalvo !

    Petter,

    Me desculpe, mas seu carro deve ser um Chiqueirinho.

    Ou você mora em um lugar que não chove nunca, não tem poeira, ou você não anda com seu carro.

    O meu lavou ontem e já está sujo. Aqui chove quase todo dia, tem o maior um dos maiores indices de salinidade do mundo e se você fizer isso com um carro ele dura 2 anos, ainda mais se o cara morar perto do mar como eu.

  • 10

    Avatar de Rosalvo !

    Alexandre,

    A cera Pérola tem em todos os mercados. A que você não encontra é a Mega Wax, mas se você quiser ela tem um cara que vende no mercado livre.

    O Tuff Stuff vc encontra no Extra da rótula. Só tem lá, no da Paralela vc não encontra.

    Abração!

  • 11

    Avatar de O. Klótzs !

    Carro não é "bibelot". Tem que ter boa mecânica e alguém copetente para domar a máquina. Esse negócio de lavar carro é coisa de adolescente desempregado ou velho aposentado. A minha dica, Rosalvo, é nunca lavar: ninguém encosta e a pintura fica conservada para a revenda. Não vou nem falar sobre lavar motor e passar "pretinho" no pneu... Abraços.

  • Respondendo a #11:
  • 26

    !
    | 1 estrelas

    É preciso aplicar cera e proteger bem, eu nunca lavei meu carro, após 3 anos a pintura estava rasoável, mas umas frutinhas que caíram no capô quebraram a pintura e ficou horrível, acho que o pior problema na parte externa são essas susbstâncias e acidentes com cacas de passaros, frutinhas, etc, pode apostar, as marcas penetraram na pintura e quebraram como se fossem um craquelê, não deixem de lavar e encerar não, melhor que lavar é encerar sempre, tipo 1 vez a cada 2 meses.

  • 12

    Avatar de Marco !
    Marco | 2 estrelas

    é Petter, não lavar o carro é porquice... imagina a nhaca que nao deve estar... vc escova os dentes uma vez por ano, quando vai ao dentista tb????

  • 13

    Avatar de rodrigo !

    kkk "vc escova os dentes uma vez por ano, quando vai ao dentista tb????"(2)

    imagina um ano sem lavar,se for um hatch entao.

  • 14

    Avatar de Filipe !
    Filipe | 2 estrelas

    Lavo uma vez por semana, não sou aposentado e muito menos desempregado, meu dindin entra fácil e tenho muito tempo livre.

  • 15

    Avatar de Daniel !
    Daniel | 2 estrelas

    hahaha, “vc escova os dentes uma vez por ano, quando vai ao dentista tb????”(3)

    Carro que precisa ser domado deve ser uma baita carroça.

  • 16

    Avatar de Junior & Hulk CC !

    Grande Neto ou SpeedBoy como nos t conhecemos do CC hehehe, vc como grande entendedor de carros pode compartilhar seus conhecimentos com agente neste blog incrivel... Nao perco mais nenhuma materia, alias essa da lavagem foi top eim.. ainda mais com as fotos do Deivy, uma imagem diz mais q mil palavras... alias a cera perola foi nosso tema de discussao lembra??? que alias uso ate hj na wagon heheh ta brilhando ate hj rsrs, grande abraco...

    Junior & Hulk CC

  • 17

    Avatar de O. Klótzs !

    Por incrível que pareça, Marco, um carro "um ano sujo" não é muito diferente de um "dois meses sujo". Existe um patamar, como num gráfico, que a partir de um ponto se mantém sujo de maneira igual. Não é questão de dinheiro, é de tempo e de achar desnecessário mesmo. Escovar os dentes, higiene pessoal como um todo, é outro departamento. Continuo achando uma besteira ficar lambendo o carro...

  • 18

    Avatar de matheus mendes !

    tem um produto que eu uso para hidrata o couro "nivea body milk" é muito bom, passo ele depois de limpar as partes de curo com sabão em pedra, fica bem bom.

  • 19

    Avatar de matheus mendes !

    tem um produto que eu uso para hidrata o couro "nivea body milk" é muito bom, passo ele depois de limpar as partes de couro com sabão em pedra, fica bem bom.

  • 20

    Avatar de EVANDRO !

    O PETTER,

    VC NÃO TEM TEMPO DE LAVAR O CARRO, MAS TEM TEMPO DE LER ESSA BAGAÇA. EU ACHO QUE VC NÃO GOSTA DE CARRO LIMPO. VÊ SE NÃO VOLTA MAIS AQUI, SE NÃO QUISER COLABORAR COM A GALERA. FICA NA SUA SEU MANÉ. ADEUS

  • 21

    Avatar de Marabá !

    Só poderia ser baiano mesmo pra postar conteúdo tão completo e dinâmico, recheado de esclarecimentos. Parabens, sou baiano e estou orgulhoso.

  • 22

    Avatar de Eu !
    Eu | 2 estrelas

    parabens cara...tao interessante a matéria que eu nem queria mais que acabasse novidades em cima de novidades pra mim flw o/

  • 23

    Avatar de miguel !
    miguel | 2 estrelas

    Olá Rosalvo,

    O que vc acha da lavagem a seco???

    Abs.

  • Respondendo a #23:
  • 31

    Avatar de bluewash !

    Olá pessoal, bom dia! Muito boa a matéria sobre embelezamento de carros, parabéns! Sempre fui fã de carro limpo, desde pequeno, estarei montando meu lava car ainda esse ano! Tem um produto que indico á todos que sempre uso para os vidros, é da marca AUTOSHINE, chama-se GLASS SHIELD, perfeito para dias chuvosos,pois não fica nenhuma gota d´agua, ideal para ser aplicado após a limpeza com jornal (não necessário)! Como todo brasileiro, adoro meu carro, lavo uma vez na semana sempre com SHAMPOO+CERA LÍQUIDA DA MARCA PROAUTO (muito boa)e sempre recebo elogios. Abraço a todos!

  • 24

    !
    | 1 estrelas

    olá...fica a dica para secagem do carro e limpeza dos vidros...em lojas de produtos para automoveis, há um pano seca-tudo, que parece feita de borracha, nao sei ao certo o material...é importado, e ele tem que estar sempre umido (mas não enxarcado). esse pano seca um carro totalmente em cerca de 10 minutos, tempo muito bom para o resultado que ele apresenta....além disso, para limpeza dos vidros, utilize o mesmo pano (depois de lavá-lo) com o produto de limpeza de vidros de sua preferencia...o resultado é incrivel, fica perfeito..abs a todos

  • 25

    Avatar de julio00008918 !

    Um bom conservante natural p borracha e partes preta do carro é café e glicerina junto e misturado...

  • 27

    Avatar de pehenrique !

    Nossa, sempre pedia pra passar querosene, não sabia que tirava o verniz. O lance é ficar só na cera mesmo...

  • 28

    !
    | 1 estrelas

    Putz...só fui achar o site agora...passarinho cagou na zorra do meu carro e eu não tirei..resultado: mancha na pintura. Tenho um fluence preto que é danado pra aparecer pequenas marquinhas e passar cera nele todo da um trabalho desgramado (tem 6 meses e ainda nao o fiz). Lavo apenas com shampoo neutro ou shampoo com cera e no outro dia ja esta cheio de poeira na pintura. Vou passar a seguir as dicas aqui e começar a lavar o carro com mais frequência e com mais cuidado.

    Valeu pelas dicas ai!

    Matheus Vitoria da Conquista - Ba

  • 29

    !
    | 1 estrelas

    Olá, gostaria de saber porque o silicone estraga a pintura de carros velhos ou repintados, como é dito aqui no artigo. Grande abraço!

  • 30

    !
    | 1 estrelas

    Gostei da matéria!

    http://www.mastercleaner.com.br

    -- editado pela última vez às 15:04

  • 32

    !
    | 1 estrelas

    Excelente post Deivy! =)

    Abraço

    http://www.miromi.com.br/
    Loja virtual de produtos de estética automotiva

    -- editado pela última vez às 08:47

  • 33

    Avatar de dalla123 !

    Como ter certeza que foi feita cristalização no meu carro? Comprei zero e na concessionária já me deram de presente, mas fiquei em dúvida. Outra coisa, se está cristalizado, não posso encerar, correto?! Quais os cuidados para não estragar minha pintura? No mais, adorei a reportagem!

  • 34

    Avatar de danituba !

    Muito boa matéria, parabéns. Estou no intuito de montar uma loja de produtos de embelezamentos, lavação e limpeza veicular, assim como, acessórios afins, para venda ao publico em geral e também lojas especializadas em lavação. Estas dicas são de suma importância e muito vem a somar no conhecimentos que busca apurar. Parabéns mesmo. Sou do sul de SC e estou a disposição de todos que queiram relacionar ao intuito de aprimorarmos no ramo automotivo, assim, trocando ideias sobre negócios deste meio. danituba@hotmail.com

Comentar

Para deixar um comentário é necessário se identificar: ENTRA ou conecte-se com Facebook Connect

Publicidade

Seções

WSL Weblogs SL