feed

Karun Chandhok

Diretor da HRT anuncia o fim da equipe

0 comentários

HRT

A história da equipe HRT definitivamente chegou ao final. Pelo menos são essas as palavras do diretor técnico Toni Cuquerella que declarou ontem (30) em seu Twitter o fim do time após apenas três temporadas na Fórmula 1.

Ler mais

Publicidade
Publicidade

Toyota vence 6 horas de Xangai mas Audi fatura o título

0 comentários

Toyota TS030

A Toyota deu mais uma demonstração de velocidade, vencendo às seis horas de Xangai, última etapa do Campeonato Mundial de Endurance (WEC). No entanto, a festa maior foi da Audi que garantiu o título com o trio Marcel Fassler, André Lotterer e Benoît Tréluyer.

Ler mais

Publicidade

Ex-pilotos de Fórmula 1 invadem Le Mans

0 comentários

Alan McNish

Muitas vezes, o destino de um piloto de Fórmula 1 ao sair da categoria é ingressar nas corridas de endurance, ou longa duração. Menos exigentes fisicamente, essas corridas requerem mais uma pilotagem precisa e segura, do que velocidade pura e reflexos apurados. Em 2012, nada menos que 24 deles estarão circulando pelo clássico circuito francês, muitos velhos conhecidos do espectador. Saiba quem são e onde estarão correndo.

Ler mais

Novo campeonato terá participação de antigos pilotos de F1

1 comentário

Jean Alesi

Está com saudade de ver correr Jacques Villeneuve, Jean Alesi, Heinz Harald Frentzen e outros pilotos de Fórmula 1? Eles poderão ser vistos em ação novamente no “i1 Supercar” um mini campeonato que aproveitará o intervalo das etapas das principais categorias mundiais entre janeiro e março.

Ler mais

Karun Chandhok não irá competir no Grande Prêmio da Índia

0 comentários

chandhok.jpg

Estava tudo acertado, mas o indiano Karun Chandhok não irá competir como piloto titular na estreia do GP de seu país na Fórmula 1. Chandhok entraria no lugar do experiente piloto italiano Jarno Trulli na Lotus, mas sua participação foi vetada, pois sua presença não seria tão forte como a de Trulli e a margem para segurar a 10ª posição na tabela seria menor.

“Da perspectiva da equipe, o objetivo fundamental para nós neste fim de semana é manter os níveis de desempenho que vimos nas últimas duas corridas e, mesmo sabendo que haverá fãs na Índia que querem ver Karun corrida para nós no domingo, tivemos que fazer a melhor decisão para o futuro da equipe”, disse Tony Fernandes no comunicado da equipe à imprensa.

Todavia, os fãs indianos não ficarão chupando dedo sem ver o piloto da casa correndo na prova. Narain Karthikeyan está certo em substituir o jovem Daniel Ricciardo na fraquíssima HRT.

Fonte | Autosport

Chandhok alerta: Cuidado com a comida da Índia

0 comentários

Karun Chandhok

O indiano e primeiro reserva da equipe Lotus verde, Karun Chandhok se tornou uma espécie de embaixador da Índia ou guia turístico para o paddock da Fórmula 1 que correrá no país pela primeira vez no próximo domingo. O piloto, em entrevista ao jornal suíço Blick recomendou cuidados com a água e a comida locais ao mesmo tempo em que elogiava sua terra natal, “um país com alma” segundo Chandhok.

A cultura indiana será um choque para muitos. É um caos organizado, talvez uma mistura do Brasil e Malásia. Isso afeta tudo, o trânsito, a comida, nosso estilo de vida. Nós somos muito caóticos“ explicou o piloto. “Muitos vão se vacinar, sim, mas você definitivamente tem de ter cuidado com a comida. Só beba água engarrafada, não use gelo, não coma salada. Só coma alimentos cozidos. Isso evitará que você tenha problemas“ alertou o indiano.

Apesar dos conselhos, não é garantida a participação de Chandhok na corrida. Até o momento apenas seu compatriota Narain Karthikeyan está garantido na Hispania, no lugar do titular Vitantonio Liuzzi. “Tony Fernandes (chefe da Lotus verde) me disse muitas vezes que ele adoraria ver isso acontecer (disputar a corrida). Mas no fim das contas, é preciso entender que a F1 é um negócio” concluiu o piloto.

Fonte | Grande Prêmio

Circo da Fórmula 1 com dificuldades de entrar na Índia

0 comentários

Organizadores do Gp da India em apuros

A Índia receberá esse ano pela primeira vez a Fórmula 1 no Buddh International Circuit que ainda está recebendo os toques finais para a realização da prova marcada para 30 de Outubro. Faltando menos de dois meses para a realização do evento, porém muitos dos envolvidos ainda não conseguiram vistos para entrar no país. Entre eles estão o piloto Nico Rosberg.

Assim como o alemão da Mercedes, vários funcionários da Hispania também ainda não tiveram o documento aprovado mesmo sendo da equipe do piloto da casa, Narain Karthikeyan. Karun Chandhok, outro piloto indiano que pilotará para a Lotus passou por momentos embaraçosos no GP da Itália quando muitos vieram indagá-lo o porquê de terem seus vistos recusados. “Acabei de voltar de Monza, onde as pessoas estavam se queixando de como é difícil conseguir vistos para a viagem à Índia“ comentou. Profissionais de outras áreas como a imprensa também tem reclamado das dificuldades.

“Se o governo leva três semanas para processar um pedido de visto, quase 90% dos envolvidos com a F1, eu incluído, não vai à corrida” comentou Matteo Bonciani, diretor de comunicação da FIA. Parece que os promotores do GP têm mais um grande problema a resolver em sua prova inaugural.

Fonte | Grande Prêmio

Chandhok correrá no lugar de Trulli na Alemanha

0 comentários

Chandhok

A Lotus malaia anunciou nessa quinta que Karun Chandhok, piloto de testes da equipe, correrá no lugar do italiano Jarno Trulli, que vinha pilotando para a equipe desde a primeira corrida de 2010. O indiano participou apenas de alguns treinos livres desse ano.

Chandhok, porém não é um estreante. Para quem não se lembra, ele era o companheiro de equipe de Bruno Senna na Hispania ano passado até ser substituído por Sakon Yamamoto no Grande Prêmio da Inglaterra. “Aconteça o que acontecer, estou muito animado e feliz com a chance de poder alinhar no grid novamente no domingo” declarou o piloto de 27 anos.

A longa carreira de Trulli pode estar chegando ao fim. O italiano de Pescara estreou na Formula 1 em 1997 pela Minardi. Logo foi para a equipe de Alain Prost. Também correu na Jordan, Renault e Toyota. Sua única vitória foi no Grande Prêmio de Mônaco de 2004 pela Renault. Sempre considerado muito veloz, principalmente em treinos, tem sido superado com facilidade esse ano por seu companheiro de equipe Heikki Kovalainen.

Fonte: Grandepremio

Chandhok assina com a Lotus Racing

0 comentários

Karun Chandhok é da Lotus

Karun Chandhok, depois de uma longa negociação, finalmente assinou como piloto de testes do time do Sr. Tony Fernandes nesta terça-feira. O piloto chega para se unir ao esquadrão de pilotos reservas que a equipe tem.

Além de Chandhok, Luiz Razia, Ricardo Teixeira e Davide Valsecchi completam o time suplente. Apesar de o brasileiro Razia ser considerado o número um do “banco”, caberá a Chandhok – e talvez Valsecchi – pilotar o carro na sexta-feira de treinos livres em Melbourne.

”Eu estive conversando com a equipe por um bom tempo para ocupar uma vaga e estou muito contente que agora nos somos capazes de afirmar que vou pilotar para a Lotus Racing em 2011. Os detalhes de exatamente quais sessões eu estarei no carro ainda estão sendo acertados. Depois de algum tempo com eles nos recentes testes da pré-temporada, pude ver o quão exatamente apaixonados são todos na Lotus para levar este time de volta ao topo do grid da F-1”
Karun Chandhok

Fonte | LANCE!NET

Conhecendo o circuito do GP da Índia

0 comentários

Temos aqui o primeiro preview do circuito indiano que estreia na F-1 em 2011 concretizando o calendário mais recheado da história, no total de 20 corridas. A voz que você confere é do piloto Karun Chandhok.

Capacitado a receber 150 mil pessoas, o traçado de 5,1 quilômetros apresenta como ponto alto de sua forma as elevações de pista combinadas com chegadas e saídas de curvas, que devem consistir em desafio extra à pilotagem.

Por outro lado, o projeto de Hermann Tilke não poderia abandonar seu peculiar costume de espalhar contornos de baixa velocidade obrigando os pilotos a reduzirem intensamente a velocidade em quase toda curva. A longa reta que começa e termina numa curva travada também está lá. Mas somente conheceremos o autódromo com mais intimidade no dia 30 de outubro de 2011, data da primeira corrida.

Fonte | Tazio

Publicidade

Seções

Caterham

WSL Weblogs SL